Tóssan

From Wikipédia de Autores Algarvios
Jump to: navigation, search

Tossan.jpg

António Fernando dos Santos, mais conhecido por Tóssan
Vila Real de Santo António, 1918 - Lisboa, 1991.
Estudou em Faro no Liceu e na Escola Industrial (Atual Escola Secundária Tomás Cabreira). Também frequentou o Teatro Lethes, dirigido pelo pai do pintor Carlos Porfírio, onde, pintou vários cenários. Pintor, ilustrador, caricaturista, cenógrafo, decorador, gráfico, poeta.
Foi o autor do logotipo da Universidade do Algarve.

É de Tóssan o mais célebre retrato de Aleixo, de 1943, que Manuel Viegas Guerreiro popularizou junto dos estudantes dos liceus.

  • Tal e coisa...

Quando ela me apareceu
vinha tal qual
como prometeu
E na intimidade
da solidão
ficamos enraizados
a trocarmos amor
E tal e coisa...
E coisa e tal...
Mais prá esquerda
mais prá direita
e continuamos
entre as fendas do silêncio
e porque tira e porque deixa
e tal e coisa e coisa e tal
ela já não dizia coisa com coisa
e eu tal e qual tal e coisa
tal como ela e eu tal qual

Ouvir-.png - 2021 -Clique aqui para ouvir este poema pela voz de Ilda Silva.

  • Amor descalço

(Dedicado à Manuela)

Ela ia minada de beleza
E eu, pé-ante-pé, seguia-a
como um íman preso
à memória que fica.
No entanto,
a indecisão se foi evaporando
até acender o meu espanto.
E para não me ouvir os passos
descalcei-me
E, descalço, ia no encantado encalço
do seu encanto.
De repente ela parou.
Fiquei mudo de atitudes!!!
E antes que eu falasse,
disse-me: Cale-se!
E eu calcei-me...

Ouvir-.png - 2021 -Clique aqui para ouvir este poema pela voz de Ilda Silva.

  • A Velha da Gata e a Gata da Velha

Uma velha tinha um gato
e o gato tinha uma velha
mas o gato que a velha tinha
tinha a tinha que tinha a velha.

E não era gato, era gata.

A velha da gata
de velha que era,
sofria da telha ou da pinha
e a gata da velha, de tão velha,
já era velhinha.

A velha, de velha, já andava de gatas
e a gata já andava de velhas.
Quando a velha andava de gatas
parecia a gata da velha,
e como a velha dobrava a espinha
a gata queria comer a espinha da velha.

Tudo pela gata ter tinha
e a velha sofrer da pinha.

Quando a gata chorava,
a velha miava.
Ficava sem se saber
qual era a gata ou qual era a velha
que debaixo da cama vinha,
em cima da cama estava,
debaixo da cama dormia,
e por cima ressonava.

A velha tinha fôlego de gata!
E junto à cabeceira
a gaita de foles estava.
Quando a velha gaiteia
tocava na velha gaita,
chorava a gata da velha
por causa dos foles da gaita.

A velha que tinha gôta
caiu no goto da gata
morrendo a gata de gôta,
ficando a velha gótica
sem gôta e sem gata.

Mas como ainda tinha tinha
e sobria da velha telha,
juntou-se a tinha na pinha
e morreu careca a velha

in https://arquivo.pt/wayback/20190830113103/http://beebgondomar.blogspot.com/2013/11/tossan.html

  • Biografia
Pertenceu, desde 1947, ao Teatro dos Estudantes da Universidade de Coimbra (TEUC), onde foi cenógrafo e caracterizador.A sua primeira obra como ilustrador foi a capa do livro «O Teatro dos Estudantes de Coimbra no Brasil».Entre 1961 e 1964, orientou os trabalhos gráficos da Embaixada do Brasil em Lisboa, cuja Biblioteca Sala Brasil decorou.Na imprensa, foi um dos criadores do suplemento juvenil do Diário de Lisboa e colaborador do jornal humorístico O Bisnau.Foi o autor do cartão da tapeçaria do salão nobre da Procuradoria-Geral da República, em Lisboa.
O actor Mário Viegas, amigo de Tóssan, reuniu num documento, em 1992, poemas e textos de prosa inéditos para um espectáculo intitulado Tótó, que representou a solo, nesse ano.
in: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ant%C3%B3nio_Fernando_dos_Santos
  • Bibliografia

-"Tóssan:Lógica zoológica, frutos e desfrutos, animalia, contos e descontos"
-"Tossan:Versos côncavo e com versos"
-"O homem que só queria ser Tóssan"
LivrosTossan.jpg

  • Veja mais sobre Tóssan nos seguintes links:

- 2018 - Artigo do jornal Barlavento onde Vítor Aleixo, presidente da Câmara Municipal de Loulé, na companhia de Jorge Silva, investigador da vida e obra de Tóssan, do editor João Paulo Cotrim, de familiares e amigos de Tóssan e de muitos interessados na obras deste singular artista algarvio, lançou ontem ao final da tarde o catálogo da exposição «o homem que só queria ser tóssan» e dois livros de poemas e contos de Tóssan.
- 2018 - Notícia do "Sul Informação" sobre o Festival Literário Internacional de Querença onde Tóssan foi um dos artistas em destaque.
- 2018 - Onde se pode ler o texto de Jorge Silva, Comissário da exposição Tóssan — A vida é engraçada mas eu levo-a sério
- 2018 - Artigo sobre a compilação da obra de Tóssan com reprodução de muitos dos seus desenhos
- 2018 - Texto do Público sobre Tóssan e a sua obra
- 2019 - Notícia da Autarquia de Loulé no lançamento de dois livros inéditos de Tóssan nos Claustros do Convento Espírito Santo, em Loulé Lógica Zoológica fritos e desfrutos, animália, contos e descontos e Tóssan versos côncavos e conversos, selecionados a partir do espólio literário de centenas de papéis, rabiscados ou passados à máquina quase todos inéditos, e o Catálogo da Exposição “O Homem que só queria ser Tóssan
- 2021 - Artigo de opinião de Guilherme d’Oliveira Martins onde recorda o autor :"Conheci Tóssan, António Fernando dos Santos, em Albufeira nos anos 1960 e sempre me deleitei com o traço fino e irónico dos seus desenhos e a personalidade das suas personagens."

Tossancao.JPG
Tossan2.JPG

Veja mais sobre Tossan no Arquivo.pt
in https://arquivo.pt:

- 2005 - Texto de Luis Guerreiro sobre Tóssan
- 2016 -Encãotros e reencãotros Um divertido livro caído em esquecimento regressa às livrarias graças à editora Bruaá: Cão Pêndio, de Tóssan, é um pequeno tesouro felizmente saído do baú
- 2018 -Tóssan, o Magnífico Reitor Página sobre Tossan muito completa.
- 2004 - Recordação pessoal do Tóssan da autora do Blog Efémero.