Deus, João de

From Wikipédia de Autores Algarvios
Jump to: navigation, search

Joao deus.jpg

  • João de Deus de Nogueira Ramos

S. Bartolomeu de Messines, Silves, 08/03/1830 - Lisboa, 11/01/1896.

  • Destaque Biográfico
Advogado, jornalista, poeta, pedagogo, escritor. Criador do método para aprender a ler "Cartilha Maternal".
João de Deus Nogueira Ramos poeta algarvio, cuja poesia está compilada no volume "Campo de Flores" caracteriza-se pela simplicidade quer nos temas quer no estilo. Essa naturalidade criou-lhe uma empatia com o povo que sempre se identificou com a sua poesia. Preocupado com o analfabetismo do povo português criou um método que facilitaria a aprendizagem da leitura e que ainda hoje tem o seu valor reconhecido.

João de Deus é patrono das seguintes instituições: Agrupamento de Escolas João de Deus, em Faro; EB 2,3 JD, em S. Bartolomeu de Messine, do Agrupamento de Escolas de Silves; EB1 João de Deus, Resende, Porto, do Agrupamento Vertical Clara de Resende, Porto, Jardim de Infância JD, do Agrupamento de Escolas Alves Redol, em Vila Franca de Xira, Casa Museu João de Deus, em Silves; Associação de Jardins-Escolas João de Deus (IPSS) fundada em 1882, que engloba dezenas de Jardins-Escolas por todo o país e a Escola Superior João de Deus, em Lisboa.


  • O Dinheiro

O dinheiro é tão bonito,
Tão bonito, o maganão!
Tem tanta graça, o maldito,
Tem tanto chiste, o ladrão!
O falar, fala de um modo...
Todo ele, aquele todo...
E elas acham-no tão guapo!
Velhinha ou moça que veja,
Por mais esquiva que seja,
Tlim!
Papo.

E a cegueira da justiça
Como ele a tira num ai!
Sem lhe tocar com a pinça;
E só dizer-lhe: Aí vai...
Operação melindrosa,
Que não é lá qualquer coisa;
Catarata, tome conta!
Pois não faz mais do que isto,
Diz-me um juiz que o tem visto:
Tlim!
Pronta.

Nessas espécies de exames
Que a gente faz em rapaz,
São milagres aos enxames
O que aquele demo faz!
Sem saber nem patavina
De gramática latina,
Quer-se um rapaz dali fora?
Vai ele com tais falinhas,
Tais gaifonas, tais coisinhas...
Tlim!
Ora...

Aquela fisionomia
É lábia que o demo tem!
Mas numa secretaria
Aí é que é vê-lo bem!
Quando ele de grande gala,
Entra o ministro na sala,
Aproveita a ocasião:
Conhece este amigo antigo?
— Oh, meu tão antigo amigo!
(Tlim!)
Pois não!



  • Bibliografia:

Cartilha Maternal, 1876.
Flores do Campo, 1868. (ebook em versão html no site do projeto Gutenberg)
Ramo de Flores, 1869. (ebook em versão html no site do projeto Gutenberg)
Dicionário Prosódico de Portugal e Brasil, 1870.
Folhas Soltas, 1876.
Despedidas de Verão, 1880.
Campos de Flores (inclui Flores do Campo e Folhas Soltas), 1893.

File:Joaodedeus-cartilhamaternal.jpg


  • Veja mais sobre João de Deus nos seguintes links:

- - Na Wikipédia

  • in https://arquivo.pt

- 1998 - Página da Casa Museu João de Deus, em 1998.

- 1998 - Página do Projecto Vercial, em 1998.

- 1999 - João de Deus na página da Escola Secundária João de Deus, em Faro.

- 1999 - Alguns poemas de João de Deus numa página do Terravista.

- 2000 - A página da Escola EB1,2 João de Deus, no Porto.

- 2001 - Página da ESE João de Deus.

- 2002 - Página sobre João de Deus. Biografia e poesia.

- 2005 - Página da Associação de Jardins-Escolas João de Deus.

- 2008 - Página com a biografia de JD e a "Cartilha Maternal".

- 2010 - Página da Esc. Sec. João de Deus com a biografia de João de Deus.

- 2005 - Página da Wikipedia sobre João de Deus.

- 2016 - Página de referência à criação da escolas João de Deus.

- 2017 - Notícia da entrega dos bens pessoais de João de Deus à Casa Museu de João de Deus.